Ir para o conteúdo

ParanáBlogs

Voltar a ParanaBlogs
Tela cheia Sugerir um artigo

Em carta aberta, professores do Paraná cobram posição de sindicato sobre concurso 2013

25 de Janeiro de 2016, 12:52 , por Bertoni - 0sem comentários ainda | No one following this article yet.
Visualizado 1022 vezes

Um coletivo formado por professores do Paraná que participou do último concurso do magistério estadual em 2013 está em mobilização para colher assinaturas para cobrar uma posição da APP-Sindicato em relação ao mesmo.

Em matéria publicada no site do sindicato, a própria entidade informa que a secretaria da Educação decidiu prorrogar o concurso por mais 2 anos, mas ao mesmo tempo anuncia um novo concurso para professores, agentes I e II deixando os educadores inseguros sobre o chamamento dos que aguardam convocação.

Ainda na mesma matéria, o sindicato diz que fará um estudo sobre a os postos de trabalho ocupados por professores temporários, os PSS's.

Leia a carta na íntegra:

Dúvidas sobre a posição da APP-Estadual e demais Regionais sobre o chamamento dos(as) candidatas no concurso SEED/2013.

Excelentíssimo senhor Hermes Silva Leão e demais dirigentes sindicais regionais, sabendo que a educação paranaense necessita de grandes feitos a começar pela falta de professores concursados, venho por meio desta solicitar seu apoio e dos demais membros da direção da APP (Estadual e dos Núcleos Regionais) perante ao chamamento dos professores aprovados no concurso público de 2013. Visto que será realizada no final deste mês Janeiro, 2016, o congresso estadual e que a contratação de professores QPM é de extrema importância. Para isso é dever do Sindicato um estudo da quantidade real de professores PSS em vagas reais e, literalmente, sabemos que a APP-Sindicato tem toda a competência para realizar e cobrar efetivamente não apenas um novo concurso para 2016, mas, também, que efetivem os candidatos e candidatas do concurso SEED-2013, pois 30 mil PSS’s contratados a cada ano é sinônimo de precarização da Educação Paranaense e que 305 novas contratações é no mínimo uma falácia do Governo Estadual.

Esta carta representa um grupo de professores(as) que por inúmeros motivos ainda não foi convocado, inclusive a grande maioria sofre com a insegurança de ser professor(a) contratado(a) temporariamente pelo Estado e/ou está exercendo outra função que não é a de lecionar. Juntos verificamos que antes de apoiar um “possível” novo concurso público é necessário, sim, a valorização dos(as) aprovados(as) que vivem diariamente a angústia e o sonho de ser nomeado(a). Novamente solicitamos uma parecer público em apoio à convocação ou, ao menos, que este concurso/2013 seja prorrogado até 2018 e que neste período seja chamado(a) os aprovados.

Este mesmo coletivo de aprovados(as) no concurso/2013 achou uma jurisprudência do STJ que, em linhas gerais, está ao nosso favor. As jurisprudências favoráveis são as seguintes: A primeira é o “direito subjetivo”, ou seja, no caso do candidato(a) ter passado no número de vagas pré estabelecidas no edital e não ser chamado(a), mas, pelo que estamos a par da situação, não é o caso aqui. A segunda jurisprudência, sendo está que está enquadrado o nosso caso, é a da transformação “da mera expectativa de direito” em “direito subjetivo”, em outras palavras, se o candidato(a) passou fora do números de vagas previstos no edital ele tem apenas mera expectativa de direito de ser nomeado, mas no caso de ser nomeado trabalhadores(as) para exercer o mesmo cargo em vagas reais do concurso em condições mais precárias, nosso caso PSS, automaticamente a “mera expectativa de direito” torna-se “direito subjetivo.” Concluindo que juridicamente o Estado do Paraná está agindo de forma ilegal e é dever da APP-Sindicato apontar a ilegalidade.

Assim, portanto, irei dar o exemplo do caso de um candidato: Ele passou no Núcleo de Curitiba em 18 colocado, na disciplina de Educação Física. Levantando os editais de chamamento de PSS/2015, totalizou 230 convocados PSS`s. No entanto, sabemos que o mero edital não comprova a nomeação do processo seletivo simplificado, e, diante disso, o candidato fez a busca do porte de professores de educação física em 68 estabelecimento de ensino da rede estadual no site do Dia Dia Educação. O resultado foi que de 68 escolas estaduais em Curitiba 38 eram supridas em vagas reais por professores(as) PSS. Poderíamos enumerar todos os casos aqui e, deliberadamente, comprovar que judicialmente todos(as) candidatos têm o direito subjetivo adquirido.

Portanto, por saber da importância da APP-Sindicato solicitamos um parecer oficial sobre a cobrança e auxilio aos professores(as) a serem nomeados neste concurso.

Paraná, dia 22 de Janeiro, 2016.

Muito obrigada, Coletivo de candidatos.

1-Professor de Educação Física Guilherme Ferreira Ribeiro, 18 colocado no núcleo Curitiba;

2-Professora Patricia Fernanda Derlan, 42 colocada em Geografia no núcleo de Pato Branco.

3-Andreia do Amaral Rodrigues, pedagogia, 212, área Norte;

4-Miriam Rossi Zavelinski Português , 56, núcleo de Guarapuava.

5-Cleberton Ponce da Silva, professor de Educação Física, classificação 46, NRE Curitiba.

6-Francieli Dombroski Riski, Pedagogia, 40, núcleo de União da Vitoria;

7-Aparecida Josefina Rondis. Pedagoga .44 Umuarama;

8- Gabriel Nappi Santos, Professor de Educação Física, classificação 17, NRE Curitiba.

9- Claudia Vanessa Oliveira Nunes, 3 em Português e 4 em inglês, núcleo Goioerê

10- Marina Sartóri Uzelotto, 3 colocada no núcleo de Ivaiporã em Língua Portuguesa.

11- Professora Marinele do Rocio Leonço de Oliveira, 23 colocada, Educação Física, núcleo Curitiba.

12-Vanessa Gonçalves da Rocha, 136° /Português - NRE Ponta Grossa

13- Andrea Aparecida Santos Oliveira
Colocação 172 Pedagogia Área Sul

14 - Elaine Aparecida dos Santos - Pedagogia - colocação : 132 Area Metropolitana Sul

15. Mônica Cristina Fratini Carnelos, 65 Pedagogia, Núcleo Regional de Maringá

16. Maria do Rocio Andreatta Barros-em Português na Área Metropolitana Norte.

17 - Márcia Regina Hartmann
Pedagogia área metropolitana sul - colocação 164.

18-Cenira Rosa Cechin Skorek - 22* Colocada Pedagogia NRE Dois Vizinhos.

19- Marini Rejane Santos Oliveira Alves, 64°-Português /NRE Área Metropolitana Norte

20-Saul Fajardo, 24° colocado, Biologia, NRE Guarapuava.

21- Silvana cristina de souza 'área norte
/português /colocação 51.

22 - Andréia Aparecida Vicentini/ Pedagogia / colocação 69/ NRE Apucarana/

23-Camila de Lima Santos. Colocação 60 Pedagogia. NRE Apucarana.

24- Paula Elisa Zanotto Gurgacz/ colocação 41/ NRE Laranjeiras do Sul.

25- Márcia Adriana Betteli dos Reis, 14, português, Apucarana.

26-Willian Fernando Batista, Educação Física, 41, área metropolitana sul.

27- Cirlene da Conceição Brainta, Área Metropolitana Norte, 171, Pedagogia

28- Cíntia Rover Barbosa de Carvalyho, NRE Ibaiti, colocação 10, Pedagogia.

29- Renata Dellanes Teles Calsavara , Português, 33°, Área Metropolitana Norte

30-Silmara Gizzi Akutsu, Pedagogia, colocação 60, NRE Wenceslau Braz

31- Daiane Faquini Assoni, 44 em Português, NRE Curitiba

32- Nauana Hay Paiva, Biologia, 41,NRE Ponta Grossa.

33- Daniéli Cristina Ferreira da Silva, Nre de Irati pedagogia, 74 colocação.

34- Camila Tochetto Wollmann, NRE Foz do Iguaçu, Biologia, 9ª colocada.

35- Joice Cunha do Nascimento, Área Metropolitana Norte, Língua Portuguesa, 28° colocada

36- Aline Monteiro Polati - Área Metropolitana Norte - Língua Portuguesa - 31 colocação.

37- Caroline Felizardo Carrazedo de Souza - NRE Apucarana, Geografia - 4 colocação

38- Luciane Camargo Bueno -Área Metropolitana Sul - Pedagogia - colocação 129°.

39- Edimara Klaine - Área Metropolitana Norte - Língua Portuguesa - 58° colocada.-

41- Andrea Mendes da Silva- NRE Curitiba - Pedagogia - 234 colocada.

42 - Michelle Kate Ramthun Bonette - NRE União da Vitória - língua inglesa 3.a colocada - língua portuguesa 7.a colocada.

43. Pollyana Cristina Barizon - NRE de Londrina - Pedagogia - 100 colocada

44. Emerson da Cruz hirata. Língua portuguesa. Área metropolitana Norte. 45 °

45- Denise Renata. Zequim Mangolin,29°colocada, Pedagogia, NRE Goioerê

46- Larissa Alves de Oliveira. Geografia. NRE Londrina. 91 colocada.

47- JULIANA Sbardella Daniel. Pedagogia. NET Foz do Iguaçu, 110 colocada.

48- Alexandre Brito Pinheiro Geografia, 110 colocado nre Curitiba.

49- Gessica Peniche Costa e Silva, Língua Portuguesa, Curitiba, 27°.

50 - Ana Paula da Silva Willenborg, Língua Portuguesa, Laranjeiras do Sul, 71°.

51 - Milaine Pereira Marques, NRE Paranavaí - Língua Portuguesa, 28º.

52- Mariane Cristina Kohut, Geografia- NRE União da Vitória, 3°.

53 - Eliziane Ribeiro - Biologia - NRE União da Vitória - 13°.

54 - Waldania Jorge - Língua Portuguesa - Londrina - 66

55- Fernanda Batista dos Santos -10 colocação em Língua Portuguesa e 4 colocação em Inglês - NRE Campo Mourão.

56- Clovis Claudemir dos Santos - História - NRE Apucarana - 6 colocação.

57- Tânia Mara Engel da Cruz - NRE União da Vitória - 55 colocação

58- Simone Boianowski Ferreira NRE uniao da vitoria - 9 português

59- KARINA MURARO-NRE CURITIBA- POSIÇÃO 123- PEDAGOGIA

60- SUZANE MOREIRA PINTO - NRE CAMPO MOURÃO - POSIÇÃO 27 - LÍNGUA PORTUGUESA.

61 Vania Regina de Souza Rocha de Pelegrin Pedagogia área metropolitana sul Curitiba

62-FABIO MARILDO COLOMBO, NRE CURITIBA 71 EM HISTÓRIA

63- ANNA MARY GUARIZA, NRE Curitiba, 180° Pedagogia

64 - Leyr Sevioli Sanches Rodrigues, 05 em Ciências e 13 em Biologia, NRE Cascavel.

Uma carta elaborada pelos professores também será mandada aos deputados estaduais e ao governo do estado.

Para participar do movimento dos professores é só entrar nos grupos de organização:

Não chamados - concurso SEED 2013 https://www.facebook.com/groups/950973294962242/ e Concurso SEED - 2013 https://www.facebook.com/groups/Professores.Pedagogos/


0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos realçados são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar